Tecido Gengival Supracrestal: Avaliando a Relação com os Biótipos Periodontais em um Periodonto Saudável


Este estudo transversal avaliou a variabilidade nas dimensões do tecido gengival supracrestal (TGS) em um periodonto saudável. As dimensões do TGS foram avaliadas para diferenças entre várias localizações, tipos de dente e biótipos periodontais. Todas as mensurações foram feitas através de um paquímetro com precisão de 0,1 mm. Um total de 1.932 regiões em 366 dentes foram estatisticamente analisadas. Foi registrada uma média geral de TGS de 3,50 mm, variando de 1,80 a 6,20 mm. O biótipo plano-espesso apresentou um TGS médio maior que o biótipo festonado-fino. Quando se planeja uma cirurgia de aumento de coroa, o biótipo periodontal pode ter um papel significativo na determinação das dimensões do TGS.