Pigmentação na Gengiva: Um Dilema de Diagnóstico


A pigmentação na gengiva pode ser fisiológica ou patológica. A pigmentação
gengival está presente desde o nascimento em certos indivíduos. No entanto,
a ocorrência súbita de pigmentação sugere alguma associação sistêmica. No
presente caso, um paciente foi encaminhado por um médico para biópsia
do tecido juntamente com despigmentação gengival. O procedimento de
despigmentação foi realizado em ambos os arcos e o espécime da biópsia
foi enviado para exame histopatológico. Este caso destaca a importância da
biópsia da pigmentação gengival com história de ocorrência súbita. Uma
biópsia é necessária para distinguir a pigmentação patológica da fisiológica.