Árvore de Decisão para Aumento Vertical de Rebordo


Os procedimentos de aumento vertical de rebordo (AVR) antes ou durante a
colocação do implante dentário são tecnicamente desafiadores e frequentemente
encontram complicações relacionadas ao procedimento. Para minimizar as
complicações e promover o sucesso, uma pesquisa bibliográfica foi realizada
para validar os procedimentos utilizados para AVR. Uma árvore de decisão
baseada na quantidade de altura de crista adicional necessária (< 4, 4 a 6
ou > 6 mm) foi então desenvolvida para melhorar o processo de seleção do
procedimento. Em cada junção, o clínico é encorajado a considerar fatores
anatômicos, clínicos e relacionados ao paciente que influenciam os resultados
do tratamento. Esta árvore de decisão guia a seleção da modalidade
de tratamento e a sequência mais apropriada para o manejo seguro e
previsível da crista verticalmente deficiente na terapia com implantes.