Resultado Estético de Implantes Instalados em Alvéolos Pós-Extração por Clínicos com ou sem Experiência: Uma Avaliação Retrospectiva a Médio Prazo


Objetivo: Este estudo discute uma pesquisa retrospectiva de 3 anos dos resultados clínicos e estéticos de implantes imediatos instalados por cirurgiões experientes e residentes em Implantodontia. Materiais e Métodos: O estudo retrospectivo incluiu pacientes nos quais foi extraído um dente e instalado um implante imediato no Instituto de Estomatologia da Toscana entre 2009 e 2011. As áreas independentes de pós-extração foram divididas de acordo com a experiência do operador: grupo experiente versus sem experiência. A satisfação do paciente com o aspeto estético, mastigação, fonética, conforto, autoconfiança e facilidade de higienização foram avaliadas através de escalas visuais analógicas. Foram avaliadas também as alterações no nível ósseo marginal e os parâmetros descrevendo as alterações no tecido mole vestibular e no índice da papila. Aplicaram-se testes comparativos com um nível de significância de α = 0,05. Resultados: Dos 60 pacientes selecionados, 31 pertenciam ao grupo com experiência e 29 ao grupo sem experiência. Aos 3 anos de acompanhamento, os achados apontaram para uma perda óssea significativamente maior no grupo sem experiência (1,74 ± 0,59 mm) do que os observados no grupo com experiência (1,34 ± 0,45 mm), com um valor de P de 0,0044. O índice da papila (PI) apresentou-se estável no grupo com experiência, enquanto que no grupo sem experiência mostrou uma perda significativa (PI = 2 ao 1 ano e PI = 1,5 aos 3 anos). Além disso, foram registradas recessões no tecido mole vestibular para ambos os grupos nos duas consultas de avaliação; porém, no grupo com experiência, foi evidente uma recessão menor do tecido mole após 3 anos (0,58 ± 0,72 mm), enquanto que no grupo sem experiência a recessão foi maior (1,52 ± 0,74 mm). Os pacientes relataram uma maior satisfação geral quando tratados pelo grupo com experiência (85,2%) do que quando tratados pelo grupo sem experiência (81,1%) com P < 0,0001. Conclusão: Os achados deste estudo sugerem que procedimentos de instalação imediata de implantes podem ser considerados um tipo tratamento bem-sucedido e satisfatório quando for aplicado um critério de seleção rigoroso e quando o nível de experiência clínica for elevado.