O Implante Zigomático Reverso: Um Novo Implante Para Reconstrução Maxilo-Facial


Este relato de caso descreve a reabilitação de um paciente que foi tratado com hemimaxilectomia, reconstrução com retalho livre vascularizado do latissimus dorsi, e radioterapia para carcinoma do seio da face alguns anos antes. Abertura de boca limitada, acesso difícil através do retalho para local ósseo, a pouquíssima quantia de osso disponível na instalação de implantes inspirou o desenvolvimento e uso de um novo implante “zigomático reverso”. Para este tratamento, preparação do local e inserção do implante foram alcançados usando uma abordagem extraoral. O implante foi usado juntamente com outros dois implantes zigomáticos convencionais para proporcionar suporte para uma barra de titânio fresada e sobredentadura para reabilitar a maxila. Dois anos depois, o paciente continua desfrutando de uma reconstrução saudável. O implante zigomático reverso aparece como uma opção útil e promissora para o arsenal de implantes utilizados para tratamento de pacientes submetidos a maxilectomia. Int J Oral Maxillofac Implants – edição em português 2016;1:299-302. Referência original: Int J Oral Maxillofac Implants 2015;30:1405 1408. Doi: 10.11607/jomi.4556