Uma Abordagem Abrangente e Conservadora para a Restauração de Abrasão e Erosão. Parte II: Procedimentos Clínicos e Relato de Caso


Este artigo propõe uma abordagem abrangente e conservadora para o tratamento do desgaste dentário com base na aplicação de restaurações de resina composta minimamente invasivas para tratar cáries em dentes anteriores e posteriores. Para o tratamento do dentes posteriores, o estado do dente orientará o clínico para a opção restauradora mais apropriada. Desta forma, três opções de tratamento foram consideradas em relação à gravidade da perda de tecido e ao tamanho das restaurações: 1) na presença de perda tecidual limitada e pequenos preenchimentos apenas restaurações diretas serão consideradas; 2) com perda de tecido moderada e restaurações de tamanho médio existentes, uma combinação de restaurações diretas e indiretas é preferida; e 3) nos casos de perda de tecido extensa e grandes restaurações serão escolhidas restaurações indiretas. A restauração da guia anterior e uma linha de sorriso adequada são restabelecidas usando restaurações adesivas, incluindo principalmente restaurações incrementais diretas de resina composta; na presença de destruição tecidual mais severa, perda da morfologia facial ou descoloração, facetas e possivelmente coroas podem ser consideradas.

A força motriz por trás do conceito apresentado neste artigo é interceptar a destruição do tecido e restaurar a biomecânica, a função e a estética dentária adequadas, usando restaurações adesivas que não invadem os tecidos duros além do necessário.