O conceito da linha interdental média gengival no manejo da linha cervical


O primeiro objetivo deste estudo foi investigar a relação entre o ponto cervical mais baixo e o ponto interdental médio gengival (IMG) na região anterior da maxila. Depois de marcar os pontos cervicais mais baixos e os pontos interdentais médios gengivais mesiais e distais nos modelos de estudo de 77 pacientes, as distâncias mais curtas das linhas IMG que conectam os dois pontos interdentais gengivais aos pontos cervicais mais baixos foram medidos em moldagens de silicone. Os resultados mostraram que a posição média dos pontos cervicais mais baixos nos incisivos centrais coincide com a linha IMG. Esta posição está localizada 0,24 mm palatalmente nos incisivos laterais e nos caninos a 0,3 mm da linha IMG. O segundo objetivo do estudo foi verificar o conceito da linha IMG no manejo da linha cervical através de alguns casos clínicos. Em um caso de biótipo espesso usando a cirurgia de aumento de coroa clínica, os pontos cervicais mais baixos foram adjacentes às linhas IMG após crescimento gengival coronal a longo prazo. Em uma observação de curto prazo de um caso de biótipo festonado, a gengiva vestibular intocada aumentou após o aumento gengival interdental. Em um caso de recessão gengival classe 1 de Miller, um retalho avançado coronalmente combinado com a técnica de rolamento foi realizado com base no conceito da linha IMG. De acordo com os resultados obtidos neste estudo e nesses casos, parece que a linha IMG poderia se tornar um padrão diagnóstico no manejo da linha cervical em cirurgias plásticas periodontais.