Novos adesivos e técnicas de adesão. Por que e quando?


Tel: +39 340 2861799, Fax: +39 011 6620602; Email: nscotti@unito.it

Resumo

Atualmente, a odontologia adesiva é uma parte fundamental do trabalho clínico diário. A evolução dos materiais e técnicas adesivas baseou-se na necessidade de simplicidade nos procedimentos passo a passo para obter restaurações diretas e indiretas duradouras. Por este motivo, os adesivos universais multimodais recentemente introduzidos representam uma opção simples para a criação de uma camada híbrida, com ou sem o uso de ácido fosfórico. No entanto, é importante entender as limitações desta última geração de sistemas adesivos, bem como a forma de utilizá-los na dentina coronária e radicular. Com base nas descobertas da literatura, os adesivos universais multimodais mostraram resultados promissores, mesmo que o problema da degradação da camada híbrida devido à atividade hidrolítica das metaloproteases da matriz (MPM) ainda exista. São necessários estudos para nos ajudar a entender como reduzir essa degradação.